Fim-de-semana de actividades com os Desbravadores!

Primeiramente nem sei por onde começar... sei que a esta altura já enviei as minhas fotos para (quase) toda a gente, já coloquei as minh...


Primeiramente nem sei por onde começar... sei que a esta altura já enviei as minhas fotos para (quase) toda a gente, já coloquei as minhas fotos paisagísticas no tumblr, já editei, seleccionei, ordenei e nomeei as minhas fotos e as do Caix, e finalmente só falta pedir as restantes do sábado à noite, e fazer a grande postagem.

Basicamente fui com a Anita até Viseu na 6a à noite. Diga-se de passagem que a viagem fez-se num instantinho, visto ter sido basicamente toda preenchida de conversa. Foi então que chegámos a Gumirães, eu tratei de me "instalar" mais uma vez na casa da Lia (está a tornar-se um hábito ahahahahaha xD) e assim que pudémos fomos logo comprar as coisinhas (o meu doce e sumo para sabado, e as minhas barritas energéticas para comer =3) ao pingodoce. Já nós tínhamos caminhado bastante, a Lia acabou de se lembrar que tinha duas fichas para o kanguru, e eu andava deserta de andar. Voltamos para casa depois de falarmos com a Catarina (a quem fiz um breve resumo dos acontecimentos :p) e com a mãe da Lia, jantámos, e então soubemos que o Julian levar-nos-ia até à Feira de São Mateus. Acontece que ele decidiu ir buscar a Inês primeiro antes de colocar combustível e, após muitas propostas, decidimos nos resignar a andar com o carro a 4 piscas ligados, controlado com o travão de mão nas descidas, e empurrado pelas 3 (mais pelas 2, a Ines corria do lado do carro e poisava a mão dela sobre o carro Ahahahahah) nas rectas, enquanto que a Camila gritava de dentro do carro Ahahahah que filme, juro -.- Enfim, lá chegámos à feira, e após umas voltinhas, fomos andar no dito kanguru com uma menina chamada Cláudia, que pouco mais nos disse do que o nome dela e um "sim", e que com certeza deve ter ficado com uma má impressão (só impressão mesmo xD) nossa, de ouvir a Lia a gritar e eu a mandá-la calar, e de nos ouvir a cantar JB -.-' Enfim, sei que foi divertido, e eu adoreeeeeeei =3 Quando estávamos para ir embora, acontece que passamos pelo "fofinho", e um amigo resolve apontar para nós e dizer "olha aquelas da outra vez" (eu nem ouvi nada, obviamente, de tão focada que estava! Ahahaah) - bom, parece que demos demasiado nas vistas Uahauahuah. Sei que ainda voltámos para confirmar (mas que bons olhos que eu tenho - faço juz à profissão de visualizadora de indivíduos a longas distâncias xD), e enfim, foi bastante engraçado :3 Ainda cumprimentei o Fred, e logo me lembrei de como as nossas formas de ver as coisas mudam rapidamente. Aquele típico pensamento de "se fosse noutra altura...", enfim xD
Eu já andava extremamente cansada, e ainda assim ficámos até tarde a ver o "Fireproof", mesmo sabendo que no dia seguinte íamos acordar bem cedo -.-



Dia seguinte, já estava tudo pronto, o pequeno-almoço (bem reforçado por sinal :O), já estava tomado, a camisola arranjada com um alfinete, os dentes lavados e o cabelo penteado. E o Julian? Ainda por se arranjar -.-' Enfim, chegámos tarde (desculpa? ninguém chega a horas - bem à português -.-) e já lá estava muita gente (incluindo as duas pessoas que ainda não conhecia e que iam connosco), só estávamos praticamente à espera da Lídia e do Fernando. Assim que eles chegaram, tratámos de nos despachar a arrancar, nós fomos pelo caminho a socializar, enquanto que eu vi passar a minha santa terrinha, São Pedro do Sul, e a certa altura eu já nem sabia o que eu via passar mesmo. Sei que chegou a uma parte que era só rochas, ruas que pareciam quase só de um sentido e gado bovino por toda a parte, em fim, fomos directos à serra mais longe possível dali (uma hora de viagem, ainda era bem looonge =O). Enfim, era no "** de Judas". Descemos imenso, mas como estávamos com vontade, chegámos lá rapidinho a baixo. Fui para lá toda morta, constipada, e ainda tive direito a ficar o dia inteiro sem rede no telemóvel :p
No início ninguém queria ir à água a não ser o Caixeiro, andavam todos a subir
feitos macacos e a descer feitos aranhas, e foi preciso o Caixeirinho puxar por nós depois de visistarmos todos os lugares bonitos com água e de desistirmos da tentativa de fazer rapel, para finalmente entrarmos na água. Fartámo-nos de tirar fotos às belas paisagens, de fazer poses nas belas paisagens, de gastar o cartão de memória do Caix com fotos tipo sequência e fotos de perfil de quase todos, de apanhar frio na água gelada que estava parada (numa delas nadei até ao fundo e tudo! :3), de achar outros recantos bonitos como a nossa cachoeirazinha quentinha e de ficar por lá a tomar banho e tirar fotos, e de muitas mais coisas. Foi diversão o dia inteiro, meter comida lá para dentro quando a fome apertava e mexer-se muitooo mesmo =p
Socializámos, a Lia ficou irriatada porque eu não era a única com o "oh yeay", antes o Milton fazia "oh ya", mas quando dava por ela já estava a dizer que isto ou aquilo é "buedá fixe" Ahahahahah Ainda vimos as desbravadoras a fazer um clipezinho do frango assado Ernesto (chabadu, chabadu, chabadu baba!) -.-
Decorei o nome do local onde fomos, porque felizmente é parecido com Mozzarela xD Basicamente estivemos em Mizarela. Como dizia o Caixeirinho logo de seguida, Serra da Freita - Freixo da Mizarela. Agora? Google maps :p
Sei que na volta quase ninguém conseguia subir aquilo tudo. Já estavamos mortinhos de tanto nos mexer-mos o dia inteiro, e ainda tínhamos que subir aquilo tudo. Resultado? Cheguei ao cimo ofegante, vitoriosa por ter resistido à ideia de parar para descansar, aliviada e surpreendida quando olhava para aquele baixo longínquo e nem conseguia ver onde tínhamos estado. Mas a melhor consequência de todas, foram as dores na parte de cima das pernas (ai Daniela que este ano tu vais ter de saber isso tudinho! =x) e no braço/peito do lado direito no dia seguinte -.-
Na volta o Caixeirinho ainda decidiu seguir a minha sugestão, uma vez que faltava bastante para a hora de chegada, e lá fomos nós até ao lenteiro do rio jogar à dona cegonha, ao eixo (yes, eu consegui nao cair para o chao! :p) e finalmente ás escondidas, o que para mim, é sempre a melhor parte. Sei que estavam lá uns capangas que, da primeira vez que me escondi (aquele sítio em que depois foram para lá 1500 peças xD), tive direito a companhia personalizada que me foi tirar a visão do cenário e, como se estivessem a fazer a boa acção do dia, diziam "não sei como te chamas, mas ainda não saias" Uhauahauhauah segundos depois, a Daniela sai e desata a correr para a árvore xD (fail! -.-')
Ainda havia uma data de coisas que tínhamos de fazer antes do pôr-do-sol, e havia quem não ajuda-se -.- Enfim fomos até ao Ice Club da nossa igreja para gravar os famosos vídeos e mais tarde voltamos à la maison. Hoje é que foi dormir cedo! É que nem Fireproof nem nada, foi ler a lição e deitar logo de seguida!
Zzzzzzz....


Sábado de manhã, toca o despertador para as 8h30. Qual quê? o corpo estava todo partido, e mesmo depois de tanto dormir, o sono parecia que nem se tinha ido embora. Pôs-se o despertador para mais tarde, e lá acordámos, arranjámo-nos, comemos e (para variar um bocadinho), chegámos mais tarde porque ALGUÉM ainda não estava pronto a horas -.- A parte engraçada foram as 5 pessoas que estudaram a lição e, após um culto que me fez lembrar que eu tinha assuntos pendentes (que finalmente esclareci-os e neste momento estou felicíssima com as respostas que obtive) e pensar "ups, esta foi directa de mais" [=s], lá tivemos uma breve reunião sobre quem ia dar águas e os grupos a se fazerem. Sei que ao fim de almoçarmos, lá fomos nós continuar as gravações, que estavam altamente comediantes. Primeiro que tudo, uma gravação simples de segundos levava cerca de meia hora para ser realizada, tudo porcausa da macacada. Então chegava a parte em que a Daniela tinha que fazer poucas vergonhas e a irmã não parava de tentar espreitar, ou então lá estávamos nós a fazer de figurantes em frente a uma planta na saída do liceu -.-
Quando finalmente acabámos, foi ir para casa e num instantinho preparar tudo para ir para casa do Caixeiro. Antes de irmos para as gravações já tínhamos visto mais um pouquinho do Fireproof, mas nem tínhamos acabado. Agora não havia tempo para isso, estávamos prontinhas para lá chegar antes do pôr-do-sol, e havia ALGUÉM que ainda não estava pronto, e decidiu arrastar o horário para sair cerca de 30min depois do combinado (eu bem tinha dito para marcarem para mais cedo, o atraso sempre nao era tao grande -.-'), e lá estava o Milton a desesperar, quem sabe a pensar se já não teria boleia - é a coisa mais normal quando se tem o Julian como motorista xD Enfim chegámos, cantámos e fizemos o ritual dos versículos favoritos (Apocalipse 3:19-22 *_*), e fomos dialogando aqui e ali antes de chegar o jantar. Assim que chegou o jantar, foi comer à fartazana. Sei que me enchi de três tipos de pizza, cachorros, da tarte de maçã (que estava maravilhosa, mas acho q so eu eh que comi xD), melancia e dos docinhos que eu trouxe. Ainda comi um ou outro palmier (antes do Rafa chegar e acabar completamente com a caixa xD) e bebi sumo (milagre! :O). Em fim, estraguei-me =/
E como me tinha estragado, já não tinha outro remédio se não me mexer. Fui jogar voleibol com a Lia, mais tarde apareceu o Milton (a bola ainda voou umas poucas vezes para onde não devia, vimos gente a rondar a esquina milhares de vezes e vizinhos com ar suspeito xD), brinquei especialmente com o TuTu (*_*), andei pelo pc a cuscar o que os outros faziam, passei fotos do Caixeiro, falei, joguei um bocadinho de PSP, fomos jogar tabu e finalmente, quando estava minimamente animada, decidiram nos chamar para ver um filme. O sono veio rapidamente, e eu já só jogava na PSP para não adormecer. Depois decidiram jogar poker, e não sou gente de entrar nessa mesmo (tipo sueca, tipico -.-). Quando dei por mim tinha os olhos imensamente vermelhos, estava super cansada, tinha noção que não andava a dormir rien de rien, estava entediada porque não me apetecia jogar poker e ver dava-me sono, e já estava farta de jogar uma boneca que vagueia de um lado para o outro numa cidade de zombis. Isso sem falar que estava deprimida porque o ver o filme trouxe-e recordações, e porque ainda estava fresco na minha memória a lembrança de um aviso que recebi esta tarde, de que os olhos de longe estavam bem perto, tudo para saber o meu trajecto como se fosse um GPS, de modo a controlar o meu coração, não vá ele se encontrar novamente com quem não deve e querer ficar longe das terras gélidas. Enfim, descoberta de um desejo egoísta que me deixou incrivelmente triste :( Então decidi me ir deitar de vez (já tinham acabado todos os telefonemas e tudo xD), e sei que, depois de passar por um momento de desidratação [-.-], lá dormi tiro e queda.
Sei que acordei de manhã com um telemovel a tocar, e eu feita estupida acordei sobressaltada a pensar que seria o meu despertador [WTH?], já me ia levantar quando percebi a estupidez do meu pensamento. Milagre do dia! O Julian acordou com o telemóvel e falou comigo e tudo :O De resto? Tudo a dormir :O (pensamento da Daniela: "bolas, e eu a pensar que eu é que dormia que nem uma pedra quando estou cansada! :p").



Domingo, foi só vestir e arrumar as coisas completamente à pressa para irmos até casa. Chego eu e a Lia à porta, nada de chaves. Sei que foi o mesmo que nada, ficamos lá cerca de meia hora e quando entrámos só tivemos tempo para vestir (a Lia, eu continuo com a minha camisa mini, tenho que pedir uma farda -.-), para comer algo (eu, a Lia já tinha comido ahs 4 da manhã xD) e arranjar? isso fica para a próxima mesmo, o Julian tinha chegado e se fechado na casa-de-banho, agora nada feito xD Assim saímos já hiper atrasadas para variar, mas agora com o Rafa e o Junior, que (principalmente o Junior) pareciam uns turistas, quando deviam estar fardados :p Não sei como é possível, mas chegamos ainda depois do Julian. Eramos imensos, uns sentavam-se, outros davam água. A certa altura troquei com a Andreia, e fui para a frente (onde se dava mais agua, obviamente :O) e aquilo foi só dar água, dar, dar e dar. Falou-se com o senhor polícia, receberam-se muitos "obrigada"s e, para os que nem português falavam, um "yaaaa!" Ahahahahah
Finalmente lá fomos, levei farturas com as quais enchi o estômago (ai que bótimas que elas estavam, foram as minhas do ano, até parecia q ja me tinha esquecido o quanto aquilo é bom +.+), e a t-shirt q ainda está na posse da senhora Lia :p



O resto do tempo? foi passado na casita da avó, num almoço (para variar, bifes com cogumelos porque a Daniela gosta xD Aiii a minha salada de bacalhau que tenho tantas saudades T_T), num lanche fantástico que envolvia a Ana e o Tiago, e em fim, com a família de cá da zona.



Quero tanto ir aos anos da Daya, e isto já está complicado. Finalmente tenho vontade de ir para a universidade. Tenho de sair mais vezes sozinha, tentar conhecer alguém. Até pareço uma anti-social -.-'
(In)felizmente, o meu desejo de "esperar" por certas situações está a começar a desaparecer. Quem sabe isto não passe, e só volte a aparecer quando realmente for necessário :)


You Might Also Like

0 comments

Having a good time reading? Please leave us a comment below!

Responsive World Map

Footer Menu




Instagram

Footer social

TERMS AND CONDITIONS
|
PRIVACY POLICY