Grande volta de bicla

Estou a ficar tão enferrujada, por isso mesmo já estava a precisar disto! Mais uma vez houve uma confusãozita, e acabei por chegar mais cedo...

Estou a ficar tão enferrujada, por isso mesmo já estava a precisar disto! Mais uma vez houve uma confusãozita, e acabei por chegar mais cedo. A bat estava a desaparecer, e eu não tinha visto o senhor Patrick pelo caminho, o que supostamente significava que ele se tinha perdido. Ora, sem tempo a perder, lancei-me à aventura até casa, para colocar o telm a carregar e lhe ligar. Qual quê, tinha eu atravessado o pinhal com aquele enorme calor, e estava ele a mandar mensagem a dizer que tinha acabado de chegar - WTF? O_O
Adiantei o passo, ainda fui falar com a avó, que fez bifinhos com cogumelos (3 pacotes de natas! :O) e logo nesse dia eu não fui comer -.-' Enfim, recebi um convite para jantar em casa da avó. Fui mudar de roupa o mais rapidinho possível, preparar a água e outras coisas que tais e, toca a descer pelo pinhal a baixo! Assim foi, fomos até Queirela. Primeiro parámos para ver o cão fofinho, depois subimos, subimos, subimos e subimos. E eu quase que morri. Enfim aprendi que eu usava as mudanças erradas, e rendi-me ás evidências de que, de facto, elas são necessárias quando enfrentamos um caminho com bastantes adversidades. Assim foi, continuámos a subir, a subir a subir, de vez em quando parávamos para descançar e/ou beber, ver um gatinho a passar ou alguém a tentar se espalhar nas escadas, ou ainda reunir forças para voltar a arrancar.
Bom bom bom, foi quando começámos a descer a alta velocidade, foi a melhor descida que já fiz, sem dúvida, com aquele ventinho *_* E enfim chegámos, ficámos sentados perto da fonte e, após nos encontrarmos com a Cheila, lá fomos dar uma big volta em Moselos (gostei imenso, com certeza *_* Até pela estrada andamos :D) e procurar um sítio bonito para tirar fotografias. Sem dúvida, essa foi a parte mais difícil, mas lá acabámos por nos juntar perto de uma carrinha e tirar 500 fotos, quase nenhumas de jeito xD


Voltámos quase ao ponto de partida, decidimos nos sentar no campo a ver fotos (que pareciam outras coisas -.-') e a ter diálogos estúpidos sobre casamentos com frutas. A certa altura, um senhor chamado Patrick decidiu dizer que era melhor não pormos "numa relação", porque "numa relação é muito sério. Pomos casado que já se nota que estamos a brincar" Ahahahahahahah Explicação: "numa relação com bananas" - Seríozissimo xD
Finalmente estava tarde, fomos indo para cima afundar-nos em pêssegos (os meus maridos, muuuito bons :3), molharmo-nos quase uns aos outros e ouvir o Gui a dizer constantemente "30 calago" e a esquecer-se do meu nome --' Ai ai ai ai! :p
Voltámos, a viagem de regresso foi mais fácil, embora a subida de travanca/oliveira de cima quase me tenha matado. Infelizmente chegámos em má hora, ver a "ovelha" fica para a próxima ;p



Próximo trajecto? S. Pedro, há que informar :D
Muito obrigadinha pela tarde! *_*

You Might Also Like

0 comments

Having a good time reading? Please leave us a comment below!

Responsive World Map

Footer Menu




Instagram

Footer social

TERMS AND CONDITIONS
|
PRIVACY POLICY