Festas de Travanca

Pode-se começar por dizer que estas foram fantásticas, não importa de que forma olhe. Já no dia anterior me tinha cruzado com o meu Deus, e ...

Pode-se começar por dizer que estas foram fantásticas, não importa de que forma olhe. Já no dia anterior me tinha cruzado com o meu Deus, e já me tinha fartado de rir a contar à Cheilita o que se tinha passado em Oliveira de Cima (que também foi muito bom mesmo! +.+).
No primeiro dia foi bastante difícil convencer os tios para a Cheila vir um pouqito mais tarde (que mesmo assim tem se revelado um pouco cedo, uma vez que as bandas ultimamente decidem só começar ahs 11 -.-'), mas enfim, lá ficou hora marcada and thats it.
E lá fomos nós, mais uma vez, de boleia, até ao recinto. A Melanie foi lá ter com as primas (pouco dancei com ela hoje :x). Eu e a Cheila fomos à frente, como que a tentar descobrir um caminho que ninguém conhece. De repente "fez-nos luz", virámos à esquerda e pareceu que estávamos a ver alguma coisa, de facto. Fomos chegando a dar cotoveladas uma na outra a dizermos feitas parvas "ahhh eu não conheço nada disto", "ahhh finge que já conheces", "ahhh isto afinal eh grande", "não croma, aquilo ali é o campo, o recinto é aqui!", "ahh quero ir à casa de banho", "ah, eu acho que sei onde eh!", "ahh, afinal isto eh pequeno", "olha, tem carrinhos de choque lá além!", "ahh, eu não conheço ninguém", e chegou a um ponto que os "ahh" já eram "ahahahahaahah", e nos apercebemos de que, como é óbvio, ninguém ia perceber que era a primeira vez que lá metíamos os pés, e era escusado fazermos tanto teatro xD
De qualquer das formas, quisémos avaliar o local, depois de ir à casa-de-banho e darmos uma volta pela zona, fomos até aos carrinhos de choque por cima, onde eu lhe dei mais umas dicazinhas sobre o que se passou em Oliveira (diz antes que nomeaste), e onde, mais uma vez, curtimos a musica que estava melhor do que do outro lado, onde ainda nem tinha começado. Ficámos tristes porque, mais uma vez, nada houve de dinheiro para os nossos lados - estamos em crise, estamos em crise. Acabámos por ficar sentadas, enquanto víamos o pessoal a andar e a bater, a Cheila finalmente percebeu (após eu lhe fazer ver -.-') que há gentinha nova com um sorriso muuito bonito e que de nada tem a ver com os pais (assombração, wtf :O), que há putos que conduzem muuuito bem e curtem a musica a 100%, e que há gente que vai chegando que só faz a cheila dizer "nãaaaaao!" Ahahahaahah
Voltámos mais uma vez pelo mato, estavam os Hi-fi a começar. Fomos caminhando lá para a frente, não só porque somos pessoas sociáveis e extrovertidas que gostam de falar e de dançar, como porque detestamos fazer de vela, e há gente que nos obriga a acender bem a chama -.-' Para variar dançámos (e foi hoje que estreámos a voltinha que já tínhamos treinado, bem como dançámos com a Daniela e a Inês a outra dancinha das musicas comerciais, mas mais complexa e quem sabe mais engraçada +.+), mas não passou só por isso. Ainda voltámos aos carrinhos de choque de novo, à espera de encontrarmos seres celestiais, mas nem sinais deles. Lá encontrámos o Miguel e os amigos, e eu ri-me à fartazana com o "ele acha-te gira", "e ele também", "e ele também", "e eu também" Ahahahahaha! Em fim, descobrimos que até podíamos voltar pela parte de baixo (otárias!), e mal chegámos, assim ficámos num certo sítio, até que virámos e "deuseeeeees" (ahahahahahah). Estava eu, como quem não quer a coisa, a olhar para trás, quando certa pessoa decide olhar (e eu cá na minha, do tipo "ups", decido acenar *_*), já estava o prato feito para a noite.
Deu para me rir o suficiente, para mirar as boas vistas também o suficiente, e para dançar sem parar (muito calor, casaco a chatear, mas acima de tudo, boa disposição +.+).
Estive com a Hillary, com a Catarina, com a Mel e a prima, com a Daniela e a Inês, com o Miguel que hoje estava super cromo e, para além de dizer que era gordo, ainda disse "olá" à Daniela do nada.
Bem no finalzinho, a Cheila contou até 5 (ahaha que tipico dela -.-') e foi ter com o Marco. Graças aos connects dela, ainda desfrutámos do bom (e muito divertido =3) ambiente antes mesmo de nos irmos embora. Chegou às e 40, então íamos embora, quando a senhora Daniela decide dizer que está tremendamente aflita para ir à casa-de-banho. A vermos as horas a passar e a fila da casa-de-banho enorme, lá acabou por vir sem satisfazer as suas necessidades, e o horário a apertar. Ainda assim, ninguém corria, ninguém andava mais rápido. Foi então que só restou um "daqui a 4 minutos a Cheila não entra em casa", "daqui a 3 minutos a Cheila não entra em casa", um "xau, xau, xau!", um "até amanhã!" mal-ouvido e um final "não tenho culpa, não tenho culpa", que ultimamente começa a tornar-se tão óbvio como a cor que a Ana veste hoje.


Segundo dia, já esperávamos que mau não fosse. Tínhamos o mesmo horário do dia anterior e pelo menos nesse dia, esperávamos nós, não devia haver ninguém aflito à ultima da hora para ir à casa-de-banho.
O ambiente não estava lá muito agradável devido ao facto de termos ido porfavor, e porque sabíamos que para os nossos lados o vento não estava muito favorável. Para variar, tinha havido uma fuga de informação, que podia ter sido corrigida.
Mais uma vez fizemos a nossa visitinha do costume aos carrinhos. Da primeira vez, voltámos a colar num bom sorriso e no putozinho maluqinho. Ainda cumprimentei o fonte e vimos fogo de artifício (chachada, mas a gente já gosta =3). Na segunda vez, a Cheila passou-se com pessoas que são cromas e praticamente nos ignoraram, bem como ainda deu para gravar a nossa musica favorita dos carrinhos (uahauhauaha), vou pô-la de seguida =)
Hoje estava sem bolsos e as nossas baterias estavam prestes a acabar. A Cheila lá tinha guardado de seguida o meu comprimido.
O resto da noite, vi a Cheila a passar-se com as ditas pessoas que supostamente a ignoravam, voltámos a tentar cenas novas enquanto dançávamos, até kuduro! (enfim, estamos a ficar umas prós nisto xD). Não nos esqueçamos ainda que nos fomos dividindo entre a Daniela (ela é uma doida e obviamente dançámos imenso +.+), até começamos a dançar a dança das musicas comerciais dela, que é um pouco mais complexa, ao ponto de termos duas personagens a tentarem nos imitar sem sucesso, obviamente -.-' Mas foi divertido, não só olhar para a cara e os pés deles, como para as pessoas à nossa volta a se rirem xD
Havia imensa gente no micanço, dois cromos, um moço mais velho que eu conhecia de algum lado e que como diria a cheila, "numa escala de 0 a 5", eu deixaria de lado o "-1" para colocar um "3". Agora 5, 5, foi quando eu estava a falar e de repente me deparei com um segundo Deus, que sei lá, eu nem nunca tinha visto aquilo :O Sei que fiquei *.*, e quando dei por mim já estava a Cheila a pedir para ele ser um Deus partilhado -.-
Ah e sim, também fui capaz de dar cabo dos meus gémeos a dançar valsa com a Hillary!
Sei que esse foi o dia da sorte da Cheila, estávamos para ir embora e lá vimos um dos deuses e os amigos. Um? Sim, um - o da Cheila! -.-' Mal chegou a hora quase deu uma música bastante fixe, a Cheila pega em mim e diz "vamos dançar só mais esta música?" e lá dançamos nós, até que nos fomos embora, com o irmão da Aninha que foi da minha turma. O que é certo, é que desta vez não tive de acender tanto a chama, vá-se lá saber porquê :p Ainda me despedi da Cátia e companhia antes de ir, mas lá fui =D Ah, e foi quase uma repetição do dia anterior quando aos "mais não sei quantos segundos e a Cheila não entra em casa", mas lá correu tudo bem :p



No domingo não fui, as coisas não estavam muito famosas para os nossos lados e eu estava digamos que bastante cansada porque não andava a dormir nada e no dia seguinte ia ter aula de condução hiper cedo, tudo porque supostamente ia às piscinas, e nem sequer fui --'

Na segunda era o último dia, e eu queria muuuuito ir mesmo. Digamos que ia disfrutar, porque é a ultima festa que posso ir sem me preocupar com o ser longe ou assim - ainda nem sei se vou ahs de moselos mesmo :x Ignorei o facto de no dia seguinte ter de levantar cedo para ir até à aula de condição, e simplesmente fiquei praticamente até ao final. Motivo pelo qual fiquei pelo praticamente? Porque odeio ficar com pessoas bêbadas, definitivamente -.-'
Sei que fomos a pé, apanhámos a Daniela pelo caminho que se demorou uma eternidade (já estava previsto mesmo ser assim -.-'), e acabámos por ir inicialmente aos carrinhos de xoque, já aquilo tinha começado. Sim, porque desta vez a Cheila tinha trazido 1€, e a Ana 0,50€! Pagámos uma ficha, vieram duas *.* - yeeeeey! Sei que mal começou a dar, a Cheila esqueceu-se que tinha de dar no acelerador, e foi preciso lá ir o homem para nos por a andar (ahahahah). Para começar ela era um desastre completo, fartámos de bater, e ela só fugia, não batia em ninguém, mas também não conseguia voltar a pegar no carro mal tínhamos batido! Ahahaha resultado, fartei-me de rir com o que batíamos, e com a cara de assustada dela, e com o nosso carrinho a andar aos ziguezagues. Depois trocámos, agora era mais bater e ser batido, mas o carrinho sempre se segurava mais. Era eu atrás do pessoal que tinha andado a nos bater antes, e a Cheila do meu lado "não os piques, não os piques!" Ahahahahaha
A Daniela foi-nos tirando fotos, e assim que voltámos para o recinto, foi só dançar e dançar, cumprimentar gente conhecida (patrícia, fonte, cata, alfredo, tiago...) e dançar e dançar :P
O Alfredo lá foi fazendo das dele, e acabou por nem dançar com a Cheila.
E então chegou a hora da Cheila ir embora. Fogo, passou rápido einh? E nada de Deuses, evidentemente. O Marco ainda nos ofereceu um suminho antes de ir embora, que me soube muuuuuito bem +.+
Enfim lá ficámos, mas quando dei por mim, estava a Daniela feliz de mais, só queria dançar com os amigos ou então ir lá para a frente sozinha (comigo, vah -.-') fazer coisas que mais ninguem fazia. Virava-me para um lado, bêbados, para o outro, bêbados, e eu não estava para aturar aquilo T_T Ainda fui estando um bocadinho com o Marco, que ao fim ao cabo, acabou por ser a minha salvação, ainda que fosse uma amizade antiga (sim, ainda estivémos a recordar os 3 os velhos tempos daquela turma de 6 elementos ahahahahah), bem como estive com a Cátia para aliviar.
Ainda apareceu por lá a cambada Oliveirense, mas nada de Deuses ;p
Chegou a um ponto que estava tão cansada, que eu só queria sair dali para fora. Até um tipo chegou e arrancou-me a Daniela quando estive a dançar com ela, para acabar por ter de dançar com o irmão dele, que quando dei conta já se estava a fazer ao piso, e eu a dar voltas ao recinto para ver se fugia de alguém que me quisesse arrancar qualquer tipo de número de telemóvel -.-' Enfim, fiz de tudo tudo mas tudo para me ir embora, e parece que ninguem queria ajudar. Tive sorte que fomos embora ao mesmo tempo que a Cátia & Companhia Limitada, e ainda fiquei a falar (antes, quase a dormir) com eles no carrinho, até alguém se decidir -.-
Decidi que não volto a ficar até aquela hora sem a minha parceira do costume, e eu estava definitivamente ferrada, amanhã era levantar cedo, e esta semana não vou dormir nada de nada! =x



Foram dias óptimos, em que nos fartámos de dançar. A certa altura já nem interessava mesmo se éramos as únicas ou não, só sei que dançámos até não parar mais. Quanto ao resto, o resto é conversa!
Fartámos de beber sumo e de micar gente nos carrinhos, and that's it!
E estou farta de procurar certas fotos e não consigo encontrar, como também estou farta de me rir à custa de outras que encontrei :p Ahahaha

Quero que o próximo ano seja igual ou ainda melhor, ahn? *_*



You Might Also Like

2 comments

  1. também gostei muito da tua companhia. diverti-me muito e espero repetir para o ano e que seja ainda melhor :) até porque nessa altura já vou ter mais um aninho x)

    beijocas prima* <3

    Cheila Ferreira.

    ReplyDelete
  2. Ahaaha e verdade, ja mais estar mais velha, porque eu nao quero que crescas mais, sim? :O Ja es alta o suficiente xD
    Para o ano logo vamos ver, para mim eh complicado estar em muitas, mas é claro que vou poder ir ao maximo delas :)

    Beijoca ♥

    ReplyDelete

Having a good time reading? Please leave us a comment below!

Responsive World Map

Footer Menu




Instagram

Footer social

TERMS AND CONDITIONS
|
PRIVACY POLICY